Primerias Impressões: Hawthorne (Pilot 1.01)

junho 26, 2009 at 7:35 am 3 comentários

1.1

Como deu pra perceber essa será uma temporada com uma grande quantidade de séries médicas, até agora as três que eu comecei a ver são voltadas para esse ramo e tenho o prazer de estar escrevendo dessa vez a primeira impressão que tive ao assisitr a premiere de Hawthorne, a nova aposta do canal TNT. Assim como Nurse Jackie, Hawthorne também é centrada no trabalho dos enfermeiros de um hospital e também tem como apoio uma excelente protagonista (Cristina Hawthorne) que não tenho dúvida que nos proporcionará excelentes histórias.

A impressão que eu tive desse primeiro episódio foi ótima, desde os primeiros minutos da série eu já me surpreendi com a cena em que David liga para Cristina enquanto está no “telhado” do hospital prestes a se jogar. Sei que para uns pode ser considerado um grande clichê, mas eu realmente gostei de ver a série começando dessa maneira e o mais interessnte é que diferentes do que eu pensava o rapaz realmente pulou, mesmo com a chegada de Cristina.2 Cristina Hawthorne pelo que eu pude entender nesse episódio é uma mulher extremamente forte; chefe das enfermeiras do hospital onde trabalha, viúva e mãe de Camile Hawthorne. A personagem passou a imagem de alguém que já passou por muitas coisas e mesmo assim faz de tudo para ajudar aqueles que precisam em seu trabalho. Voltando para a vida pessoal da moça podemos perceber um clima bem “sombrio” em sua relação com o restante. Primeiro vimos a própria filha a acusar de ter deixado o marido morrer e depois a sogra fazendo outras acusações. Isso não ficou totalmente explicado nesse episódio, mas deu-se a entender que após a morte de seu marido as coisas ficaram bem tensas.

Hawthorne também está bastante forte em seu elenco. entre os outros personagens tem alguns que eu reconheci o rosto de outras séries, mas não podemos negar que grande parte deles fizeram um excelente trabalho. Temos no grupo a enfermeira Bobbie, amiga de Cristina; a infermeira Kelly, que pelo que percebi é a novata toda sentimental; Ray, o que quase levou toda a culpa pelo erro da médica e a Dra. Marshall, a que eu menos gostei no episódio. Ah! Já estava me esquecendo de citar Tom, o cirurgião chefe.

Entreos personagens que eu citei a cima vou alongar um pouco mais o texto falando de Bobbie. A personagem passou de início a imagem de uma amiga cuidadosa e tudo mais tentando dar apoio a Cristina, mas depois descobrimos que ela tem uma perna mecânica e pra ajudar acredita que os homens não assumem um relacionamento com ela por isso. Quem não ficou meio boquiaberto ao ver a cena dela sendo esfaquiada pelo marido de uma das pacientes que chegou na emergência? Mas o engraçado foi o rapaz tirar a faca depois e Bobbie não sentir nadinha, então descobrimos sobre a perna e o rapaz não ligou, resultando num encontro de ambos no final!

3

Ainda tenho que falar de Isabel (A falecida falsa macumbeira de True Blood), uma andarilha que de início ficou até meio apagada. mas logo depois de aparecer com o pequeno bebê na porta do hospital ganhou muito mais a minha atenção. Toda a trama da personagem foi ótima e depois quando descobri que ela é realmente a mãe da pequenina criança eu levei um baita susto.

Conhecemos a tumultuada vida de Cristina e das outras pessoas que trabalham no hospital, mas vale lembrar que foi também o dia que marcou um ano da morte de Michael, o marido de Cristina e podemos perceber o quanto ela sofre por isso. Nas ultimas cenas vimos ela conversando com as cinzas do seu falecido amor e espero eu que a série mostre um pouco mais dessa historia daqui pra frente.

Hawthorne
teve uma ótima premiere, a TNT está de parabéns, além de Leverage a emissora arrumou mais uma grande produção que vai contar com a minha atenção. Não sei se a estréia foi bem na audiência, mas espero sinceramente que consiga um bom tempo, pois tem potencial para apresentar excelentes histórias.


Nota: 9,0


Por: Lucas Santtos

Anúncios

Entry filed under: Hawthorne, Primeiras Impressões. Tags: .

§ Por Que Adorar… | Chuck # At World’s End (Greek 2.22 | Season Finale)

3 Comentários Add your own

  • 1. Michael Oliveira  |  junho 29, 2009 às 8:07 am

    Grande série…. Estou odiando essa parada das s[eries médicas serem tão boas……

    E Lucas, a série teve sim uma ótima audiência! Acho que foi a maior do dia na TV a cabo! Deve render!
    Abraços!

  • 2. Lucas Santtos  |  junho 29, 2009 às 2:14 pm

    ASHDUASHD! Pois é. otima serie, excelente pilotoo! NA espera da legenda do 1.02!

    Opa Michael, que bom que a audiência foi boaa! 🙂
    Vlw.!

  • 3. Sheila  |  julho 9, 2009 às 12:45 am

    Sou APAIXONADA por séries, e essa com certeza é uma excelente série. Tem uma ótima história, uma protagonista de peso e um elenco muito legal (como o Dr Wakefield – Michael Vartan). Espero sinceramente que a série tenha um grande futuro. ADOREI!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Contador de Visitas

  • 450,239 Visitas

Visitantes Online


%d blogueiros gostam disto: